Anáfora (exemplos)

   a

A Anáfora é um Recurso Sonoro em que o poeta usa da repetição de mesmo vocábulo ou expressão numa mesma posição em sucessivos versos. Ela pode ocorrer também em pleonasmo. Exemplos:

 

…O que será que será?

Que vive nas idéias desses amantes

Que cantam os poetas mais delirantes

Que juram os profetas embriagados

 

Está na romaria dos mutilados

Está na fantasia dos infelizes

Está no dia a dia das meretrizes…

 

Dois exemplos de Anáfora usados por Chico Buarque na composição O Que Será?

Outros exemplos mais clássicos de Anáfora podem ser notados na música Eu Sei Que Vou Te Amar, de Vinícius de Moraes e Tom Jobim:

 

Eu sei que vou te amar

Por toda a minha vida eu vou te amar

Em cada despedidada eu vou te amar

Desesperadamente eu vou te amar

 

…A cada ausência tua eu vou chorar

Mas cada volta tua há de apagar

O que essa ausência tua me causou

 

Em Pleonasmo:

 

Eu quero porque quero o meu amor

E vou que vou com ele atrás do seu

 
 Ver – > http://mpbsapiens.com/anafora-simples/
              http://mpbsapiens.com/anafora-composta/
 

     a

  del.icio.us isto!

36 Respostas até o momento »

  1. 1

    cleiton pereira nunes said,

    outubro 20, 2009 @ 5:02 pm

    muito bom achei tudo que precisa
    os autores estao de parabensss
    muito obrigado

  2. 2

    admin said,

    outubro 20, 2009 @ 5:42 pm

    Cleiton:

    Fico feliz por ter sido útil o bastante à sua busca. Volte sempre que precisar, pois já sabe o caminho.

    Grato pelo elogio.

  3. 3

    simone e fred said,

    junho 3, 2010 @ 9:18 pm

    foi muito bom os comentarios ditos me ajudou a tirar boas notas na escola.Muito obrigado pela ajuda.bjos simone e fred

  4. 4

    admin said,

    junho 4, 2010 @ 6:59 am

    Simone e Fred:

    No que depender das informações daqui, suas notas escolares só serão boas. Bjos.

    Dalton.

  5. 5

    layla said,

    junho 13, 2010 @ 3:47 pm

    boa tarde !
    tenho que interpretar o poema ” colar de carolina ” anlizar o plano sonoro e explicar os recursos sonoros e não estou coseuindo fazer por favor ,pode me ajudar?
    obrigada

  6. 6

    admin said,

    junho 13, 2010 @ 7:40 pm

    Layla:

    Coloque o poema aqui nos comentários que o analisaremos juntos, certo?

    Grato pela confiança.
    Dalton.

  7. 7

    leia said,

    junho 25, 2010 @ 5:39 pm

    + uma explicaçãozinha

    A remissão anafórica (para trás) realiza-se por meio de pronomes pessoais de 3ª pessoa (retos e oblíquos) e os demais pronomes; também por numerais, advérbios e artigos.

    Exemplo: André e Pedro são fanáticos torcedores de futebol. Apesar disso, são diferentes. Este não briga com quem torce para outro time; aquele o faz.

    Explicação: O termo isso retoma o predicado são fanáticos torcedores de futebol; este recupera a palavra Pedro; aquele , o termo André; o faz, o predicado briga com quem torce para o outro time – são anafóricos.

    A remissão catafórica (para a frente) realiza-se preferencialmente através de pronomes demonstrativos ou indefinidos neutros, ou de nomes genéricos, mas também por meio das demais espécies de pronomes, de advérbios e de numerais. Exemplos:

    Exemplo: Qualquer que tivesse sido seu trabalho anterior, ele o abandonara, mudara de profissão e passara pesadamente a ensinar no curso primário: era tudo o que sabíamos dele, o professor, gordo e silencioso, de ombros contraídos.

    Explicação: O pronome possessivo seu e o pronome pessoal reto ele antecipam a expressão o professor – são catafóricos

  8. 8

    admin said,

    junho 26, 2010 @ 8:00 am

    leia:

    O conteúdo deste site, pela proposta da análise das construções poéticas da MPB, está voltado mais para os significados dos termos pela ótica da Versificação e não da Gramática, que são coisas bem diferentes, posto que temos as respectivas Poesia e Prosa.

    Os conflitos entre poetas e gramáticos ocorrem desde o Classicismo, com o surgimento da Folnikéia Grammata, onde o gramático Heródoto pregava terem as letras gregas derivado do Alfabeto Fenício, com a chegada de Cádmo, enquanto os poetas associavam a Versificação às Núpcias de Cádmo e Harmonia, todas descritas por textos em versos e não em prosa.

    Tais conflitos entre poetas e gramáticos só ganharam entendimentos mais amigáveis por ocasião do Trovadorismo, mas nunca chegaram a um acordo satisfatório para ambas as partes, haja visto o ocorrido na nossa Semana Literária de 1922, onde tais desentendimentos quase chegaram às vias de fato.

    Todavia, os tempos são outros e é sempre bem-vinda a presença de um gramático neste espaço de análises poéticas, portanto sou grato pela visita e pela ilustração.

    Dalton.

  9. 9

    suelen said,

    setembro 27, 2010 @ 11:15 am

    goste do seu poema adorei de coraçao……….

  10. 10

    suelen said,

    setembro 27, 2010 @ 11:16 am

    da onde vc tira tanta inspiraçaopara escrever todos os poemas?

  11. 11

    suelen said,

    setembro 27, 2010 @ 11:19 am

    por favor digite um poema oara min analizar um pouco,sabe como e? afinal,estou apaixonada que maximo(…).

  12. 12

    suelen said,

    setembro 27, 2010 @ 11:20 am

    depois eu mando mais comentarios fuiiiiiiiiii

  13. 13

    admin said,

    setembro 27, 2010 @ 9:30 pm

    Suelen:

    Perdoe pela demora na resposta, pois tenho outros afazeres. Quanto aos poemas, a maioria deles é dos autores da Música Popular Brasileira. A minha inspiração maior está na boa escolha deles.

    Quanto ao poema digitado para você, creio que só poderei fazer algo de amanhã em diante.

    Me perdoe mais uma vez. Grato pela visita e volte sempre.
    Dalton.

  14. 14

    Bruno Sabino Sicchierolli said,

    maio 9, 2011 @ 9:15 pm

    Aee encontrei vcs dnovo kkkkk vei esse site é o melhor site que eu ja entrei só to kerendo entra nesse site espero que tenha defeitos de texto ak tbm kero muito achar este site nos defeitos de textos VLW gostei muito desse site

    Abraços a vcs

  15. 15

    admin said,

    maio 10, 2011 @ 8:47 am

    Bruno:

    Fico feliz que o Sapiens tenha podido ajudá-lo nas tarefas escolares, pois essa é a minha meta. Para facilitar as coisas, da próxima vez que você precisar encontrar as informações que procura sobre Versificação, consulte no cabeçalho do site os endereços Ciência Poética e Glossário Poético. Se precisar saber sobre uma canção específica do Chico Buarque, as que já foram analisadas constam no endereço O Livro, e para as demais postagens sobre outros autores vá até o Índice Geral.

    Quanto aos beijos, peço que os mande para alguma garota, pois sou o único administrador do site e, vindo de outro homem aceito, quando muito, abraços.

    Grato pela visita e volte sempre.
    Dalton.

  16. 16

    Tifany said,

    maio 19, 2011 @ 7:22 pm

    ainda é meio confuso…
    será q vcs podem me mandar mais exemplos ?
    bjos

  17. 17

    admin said,

    maio 20, 2011 @ 6:13 am

    Pronto Tifany:

    Coloquei mais exemplos. Espero que fique mais claro.

    Grato pela visita e volte sempre.
    Dalton.

  18. 18

    mpbsapiens.com said,

    junho 3, 2011 @ 2:36 am

    Anafora.. Amazing :)

  19. 19

    admin said,

    junho 3, 2011 @ 6:32 am

    Gratefull.

  20. 20

    mpbsapiens.com said,

    junho 4, 2011 @ 9:04 pm

    Anafora.. Tiptop :)

  21. 21

    mpbsapiens.com said,

    junho 5, 2011 @ 2:55 am

    Anafora.. Huh, really? :)

  22. 22

    admin said,

    junho 5, 2011 @ 9:20 am

    The information on the subject was incomplete, and thanks its intervention, what it allowed me to leave the postagem most complete.

    Grateful for the alert one and it always comes back.
    Dalton.

  23. 23

    qol7 porn lfy6 said,

    julho 2, 2011 @ 8:41 am

    Anafora.. Slap-up :)

  24. 24

    dqm0 free sex p5iq said,

    julho 2, 2011 @ 8:32 pm

    Anafora.. Great! :)

  25. 25

    silvania said,

    setembro 25, 2011 @ 10:40 am

    e legal achei o qe procurava

  26. 26

    admin said,

    setembro 25, 2011 @ 6:13 pm

    Silvania:

    Então volte sempre. Grato pela visita.
    Dalton.

  27. 27

    Buy Fans said,

    dezembro 21, 2011 @ 5:04 pm

    Recommended Websites…

    [...]below you’ll find the link to some sites that we think you should visit[...]…

  28. 28

    andressah said,

    novembro 6, 2012 @ 1:20 pm

    muito legallllllllllll

  29. 29

    admin said,

    novembro 6, 2012 @ 10:16 pm

    Então volte sempre, Andressah.

    Grato pela visita.
    Dalton.

  30. 30

    marcelo said,

    abril 27, 2013 @ 3:29 pm

    nao gostei nao tem nada q eu procurava : /

  31. 31

    admin said,

    abril 28, 2013 @ 7:41 am

    Sinto muito, Marcelo. Boa sorte na sua pesquisa.

  32. 32

    elaynne silva said,

    novembro 12, 2013 @ 4:44 pm

    quero saber mais sobre anafora pq vou fazer um trabalho e quero saber mais….

  33. 33

    elaynne silva said,

    novembro 12, 2013 @ 4:45 pm

    quero saber sobre anafora pq vou fazer um trabalho e quero saber mais como e anafora.

  34. 34

    admin said,

    novembro 12, 2013 @ 6:23 pm

    Elayne Silva:

    A explicação está correta e os exemplos que dei também. Não sou de ficar “enchendo linguiça”.

    O que mais você precisa além da explicação demonstrada por exemplos?
    Dalton.

  35. 35

    dara said, said,

    junho 3, 2014 @ 12:43 pm

    me ajudou bastante adorei os exemplos da anafora ;)

  36. 36

    admin said,

    junho 3, 2014 @ 7:26 pm

    Então volte sempre, Dara. Grato.
    Dalton.

Comentário RSS · TrackBack URI

Deixe um comentário